ABROM-A - ABROMA AUGUSTA


MATERIA MEDICA - DR CARLOS LIMA MELO

ABROMA AUGUSTA

REINO VEGETAL - MIASMA MALARICO - SANKARAN

Nomes comuns: HINDI, BENGALI e CUTCH - Olat kambal; BOMBAY - Olak tambol; Inglês - Devil's cotton.
Plantae; Spermatophyta, Angiospermae - Flowering Plants; Dicotyledonae; Dilleniidae; Malvales (em Homeopatia temos Gossypium herbaceum, Hibiscus abelmoschus). A família das Malvaceae (Juss.) Bayer et al. é constituída de 2330 espécies e a Homeopatia só estudou 4 espécies.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Malvaceae

Família: Sterculiaceae (Existem 430 espécies de Sterculiaceae e a Homeopatia só estudou três espécies:
Kola, Cacao (Chocolate) e Abroma augusta).
http://pt.wikipedia.org/wiki/Sterculiaceae
Habitat: Ocorre em forma selvagem na parte quente da Índia de Uttar Pradesh a Sikkim ou cultivada. É mencionada em Ghose's drugs of Hindustane. Dr D. N. Ray de Calcuta fez uma pequena experimentação.
Em fitoterapia a Abroma augusta é muito usada para dismenorréia dolorosa - Dr Evers.

Dr Ray publicou um artigo a respeito de sua experiência com este medicamento no Indian Homeopathic Review editado pelo Dr. P. C. Majumdar, M. D. nos meses de Novembro e Dezembro de 1919. Vários casos de cura foram citados por ele e provam que Abroma aurgusta foi muito eficaz para a cura de diabetes.

Clínica - Diabetes mellitus e insipidus; albuminúria, enurese, debilidade, vertigem, insônia, carbúnculo, amenorréia, dismenorréia.

Keynotes
Desejo de grandes quantidades de água fria de uma vez. Sede insaciável, fome mesmo depois de haver comido. Muita urina várias vezes ao dia, com muita sede após urinar com açúcar presente na urina. Urgência urinária, urina involuntária. O paciente urina várias vezes à noite com impossibilidade de reter a urina. Prostração com aversão a qualquer trabalho físico ou mental.

Comentário
Apesar de um ligeiro comentário na matéria médica do Vijnovsky este medicamento permanece esquecido em nosso meio, tanto que até o momento ainda não era encontrado a venda no Brasil. A pedido nosso Amarilys está providenciando o seu pedido.

Mente
Alegre, falando melhora da sua irritação, das suas queixas, ri de bobagens, ri imoderadamente, tranqüilo.
Tristeza, distração, concentração difícil, esquecido, piora por esforço mental, desconforto, indiferença, falta de energia, preguiça, acha que vai desmaiar desmaios histéricos, espasmos histéricos, histeria durante a menstruação, prostração mental, prostração depois do coito.
Ansioso, acha que seus membros são finos, inquieto, sensível a barulho, reclama, se irrita com facilidade, intolerante a contradição, piora por ser contrariado, mal humorado, raiva fácil, raiva por bobagens, briguento, aversão a tudo.

Sonhos
Com acidentes, com os negócios do dia, muitos sonhos, com sede, vívidos.

Vertigem
De manhã até o anoitecer, com náusea, vômito, piora sentado, deitado, de pé, melhora andando.

Cabeça
Sensação de cabeça vazia, peso, que piora com o calor do sol, com movimento, com barulho, com o calor do quarto fechado, constrição dos lados, gira a cabeça. Dor de cabeça de manhã, desaparece ao anoitecer, à tarde, acompanhada de espirros, piora com o calor do sol, quarto quente, fechado, sentado, por falar, espirrar, movimento, ao levantar da cama, em quarto fechado, barulho, melhora ao ar livre, com pressão, dobrando a cabeça para frente, fechando os olhos, esforço mental. Dor na testa, à tarde, 15-16 h até a noite, compressiva, pulsátil, melhora deitado, ao ar livre.
Dor no occipício, nas têmporas, que melhora por comer, por pressionar, por cobrir a cabeça com um manto. Fraqueza na cabeça.

Olhos
Peso e queda das pálpebras, melhora fechando os olhos. Dor nos olhos, em quarto quanto, pelo calor do sol, como areia, que melhora fechando os olhos, por pressão. Inchaço das pálpebras, lágrimas acres, olhos cansados. Visão turva, fraca (em diabéticos), catarata.

Nariz
Secreção aquosa, amarela, secura das narinas, coceira, com tendência para esfregar. Entupimento com mudança de temperatura, em quarto quente, dor nas narinas que piora pelo toque, dor pressiva na raiz do nariz, espirros freqüentes, em um quarto fechado quente, de manhã, melhora ao ar livre.

Face
Abscesso, rachadura no canto esquerdo da boca, rosto pálido, manchas vermelhas nas bochechas, na testa, secura do rosto, dos lábios, erupções que coçam dor ardente, inchaço.

Boca
Língua limpa, seca, boca seca que melhora com água fria, dor na língua que piora por engolir, salivação com desejo de cuspir, fala indistinta, gosto amargo ou insípido.

Garganta
Engasgo, constrição, secura, com dificuldade para engolir sólidos, que melhora por beber água fria, deve beber para engolir sólidos. Dor na garganta que piora de manhã ao engolir, queimante, ardente.

Nuca
Fraqueza.

Estômago
Apetite mesmo depois de ter comido, insaciável, dor, náusea, vômito ácido, esbranquiçado, sede com secura dos lábios e da garganta, acompanhada pelo desejo de beber grandes quantidades de água fria com freqüência, depois de urinar, insaciável, que piora durante a febre, mas o estômago também pode piorar por beber.

Abdome
Distensão, flatulência, inatividade dos intestinos, cãibras durante o peristaltismo, antes e durante a menstruação no hipogástrio, dos lados, que melhora com aplicação quente.

Reto
Secura, constipação periódica, com urgência ineficaz
Voz fraca, indistinta.

Respiração

Acelerada.


Tosse
De manhã até nove, ao anoitecer, à noite, pior pelo ar frio, seca durante o sono, frouxa, espasmódica, e tenesmo, livre passagem de flatos, coceira em volta do ânus, por lavar, dor no reto após defecar, ardente.

Fezes
Como bolas, nódulos duros, de carneiro, pretas, marrons, amarelas, cheiro ofensivo, finas, aquosas.

Bexiga
Dor de manhã até a noite, depois de urinar, ardendo. Urina com freqüência, a cada duas horas, dia e noite, com urgência, involuntária à noite, melhora por urinar.

Rins
Dor na região dos rins, dor na extremidade da uretra, meato dolorido. Urina albuminosa, turva, abundante, com cheiro de peixe, com sedimento turvo, açúcar, com aumento da gravidade.

Sexo masculino
Falta de ereções, fraqueza, escroto relaxado, coceira no prepúcio, dor irritante, desejo sexual aumentado, ausente, testículos inchados, úlceras esbranquiçadas no prepúcio provocado por excesso de açúcar na urina.

Sexo feminino
Fraqueza depois do coito, leucorréia abundante, que mancha a roupa, pasta grossa ou fina, esbranquiçada, escoriante, com dor nas costas, do lado direito. Menstruação à noite, abundante, escura, com coágulos, tardia em jovens, fluxo aparece por exercício, muito freqüentes, irregulares, dolorosas, retardadas, escassas, de curta duração, ausentes, com anemia, dor no útero durante a menstruação, dor no ovário direito.

Laringe
segura, pressiona o peito durante a tosse.

Expectoração
Em grumos, purulenta, espessa, branca, amarela.

Peito
Ansiedade na região do coração, bronquite, pneumonia, peso no peito, dor que piora por tossir, dolorido, segura o peito por tossir, dor no coração, palpitação que piora pelo movimento, pulsação, sensação de afogamento, desconforto na região do coração, fraqueza na região do coração.

Costas
Dor durante o dia, à tarda depois das 17 h, à noite na cama, piora dobrando-s para frente, sentado, ereto na cama, ao levantar da cama, em movimento, andando, na região lombar, do lado esquerdo, ao anoitecer, durante a menstruação, deitado, rigidez na região lombar do lado esquerdo, que piora por andar, por dobrar-se para frente, por trabalhar em água fria, pelo movimento, por levantar da cama, que melhora por deitar, dor melhora dobrando-se para trás, fraqueza.

Extremidades
Frieiras nas mãos, vermelhidão dos dedos direitos, secura do dorso dos dedos, atrofiamento dos dedos, peso dos membros superiores, direitos, que piora por andar, que melhora por pressão, adormecimento dos membros superiores, à noite, piora deitado, dor nas extremidades, na sola dos pés, queimante, no dorso dos dedos queimante, dor na palma das mãos, ardentes, nas juntas reumáticas, na perna direita, à noite, pior durante a menstruação, melhora com pressão, por andar, piora por sentar, dor no ombro direito, pelo repouso, ao anoitecer, na coxa direita, pelo movimento, pelo toque, pelo movimento, no punho direito, por aplicação fria, pelo movimento, por pressão, fraqueza nas extremidades.

Sono
Perturbado por sono, por coceira na pele, por urinar com freqüência, sonolência na primeira parte da manhã. Insônia acompanhada por sonolência. Sono não reparador. Bocejos ao anoitecer.

Calafrios
De manhã, com tremores, ao ar livre.

Febre
Calor seco.

Transpiração
Abundante por exercício.

Pele
Ardente, seca, carbúnculos, erupções do verão, coceiras que pioram por coçar, pequenos furúnculos, pústulas.

Gerais
Piora à noite na cama, por mudança do clima, pelo movimento, por barulho, em quarto fechado, no verão, exposto ao sol, pelo calor, calor do quarto.
Piora ou melhora por deitar.
Melhora andando ao ar livre, por pressão, repouso.
Deseja ficar ao ar livre, melhora com o frio. Quer deitar com os olhos fechados.
Aversão leite, a tabaco.
Desejo água fria e bebida fria em grande quantidade, sucos, líquidos, café, chá, pão, arroz, sal, ácidos, carne, peixe.
Fraqueza, por fome, depois do coito, depois de urinar bastante, fraqueza paralítica.
Diabete mellitus,, desmaio por fome, melhora por comer, emagrecimento.
Ondas de calor. Inchaços. Eosinofilia. Mucoviscidose. Lateralidade direita.

Referências
Ghose's Drugs of Hindustane
Fifty homeopathic Indian Drugs
Materia Medica of Indian Drugs
Desai's magnificent Plants
Liga Medicorum Homeopathica Internationalis
Encyclopaedia of Homeopathic Pharmacopoeia
The Homeophatic World
Diabetes mellitus its Diagnosis and Treatment - Mathur K N.
Homeopathic Materia Medica of Graphic Drug, Pictures and Comments - Pulford A.
Synoptic Materia Medica - Vermeulen F
Radar 9.2.1

Considerações finais
No caso de China fizemos um estudo mais aprofundado por dispormos na literatura de mais material, nõ só a nível mental como físico, além de vários casos clínicos. No caso de Abroma augusta ainda temos apenas suspeita de um caso que ainda não tomou o medicamento por não dispor do mesmo no Brasil. Se um dia se confirmar voltaremos a falar mais sobre este medicamento.
Em Homeopatia temos que nos preparar parar prescrever tanto por uma compreensão mais profunda, que se convencionou se chamar de terceiro nível. Às vezes por um mosaico de sintomas que se convencionou chamar de segundo nível, como no caso de Abroma augusta. Em último caso através do primeiro nível, quando dispomos apenas de alguns sintomas ou apenas um sintoma exclusivo de um medicamento, que se convencionou chamar de primeiro nível.



MATÉRIAS MÉDICAS

  • A
  • B
  • C
  • D
  • E
  • F
  • G
  • H
  • I
  • J
  • K
  • L
  • M
  • N
  • O
  • P
  • Q
  • R
  • S
  • T
  • U
  • V
  • W
  • X
  • Y
  • Z

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSAS NOVIDADES